25 de mai de 2011

CENTENAS DE TRABALHADORES FORMAM FILA POR EMPREGO NO FIELZÃO

Mesmo com anúncio de que início da obra não tem data definida, desempregados foram ao terreno onde será o estádio corinthiano

LANCENET - 25/05/2011

O anúncio do presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, no último sábado, de que as obras do Fielzão começariam nesta semana atraiu centenas de pessoas à frente do terreno do futuro estádio corintiano, em Itaquera, em busca de emprego, nesta terça-feira.(...)
Mesmo sem data prevista para as obras começarem, diariamente dezenas de pessoas, entre pedreiros, auxiliares, carpinteiros, operadores de máquinas e soldadores vão até o local.
- Vamos voltando todos os dias para ver o que acontece. Todo mundo é pai de familia, precisa trabalhar para se manter. Não tem ninguém para dar informação, não aparece ninguém. Em outras obras que trabalhei sempre sai alguém para falar, mas aqui não aparece ninguém para dar satisfação de nada. Mesmo assim, a esperança é a última que morre - afirmou o operador de máquinas José Alves da Cruz, morador da Zona Leste.
A Odebrecht, construtora responsável pelas obras, informa que ainda não iniciou as contratações, e que em todos os seus projetos nunca faz recrutamento ou seleção no local. A posição é reforçada pelo vice-presidente do Corinthians, Roberto de Andrade.
- Não sei o lugar específico onde a Odebretch fará essa seleção de trabalhadores, mas o que é importante a gente veicular é que não será no canteiro de obras. Pelo que ficou combinado, seria dada a prioridade às pessoas desempregadas da Zona Leste e seriam gerados 2 mil empregos direto, mais os indiretos - falou Andrade. (...)

COMENTÁRIO DO BLOG: Se não houve anúncio de vagas até agora e se a construtora já deixou claro que não faz contratações no local das obras, essa cambada de idiota está indo lá se martirizar diariamente porque quer. Gente burra tem que se foder.


2 comentários:

Anônimo disse...

Tudo Corintiano querendo participar do sonho!!!!
Gente burra tem mais que se fOder (2)

Armand disse...

Meu voto é para " Gente burra tem mais é que se fuOer!"