27 de nov de 2008

BIZARRO

Em jogo válido pela 2ª divisão do Campeonato Alemão de Futebol, o árbitro Thomas Metzen virou celebridade por excesso de rigor ao sacar dois cartões amarelos do bolso, ao mesmo tempo, para punir jogadores de Mainz e Saint-Pauli.
COMENTÁRIO DO BLOG: Em jogo de segunda divisão, até na Europa, só dá esse tipo de absurdo mesmo. Que o digam os espectadores de Corinthians X Avaí no Pacaembu no último sábado.

25 de nov de 2008

ROGÉRIO AIR CENI

Nome: Rogério Mücke Ceni
Posição: Goleiro
Altura: 1,88 m
Peso: 85 kg
Data de Nascimento: 22/01/1973
Local de Nascimento: Pato Branco/PR
Último Clube: Sinop (MT)
Principais Títulos: 1990 - Campeão Matogrossense Profissional, 1990 - Campeão Paulista Metropolitano Juvenil, 1993 - Campeão da Taça São Paulo de Futebol Júnior, 1993 - Campeão da Copa Libertadores da América, 1993 - Campeão Paulista de Aspirantes, 1993 - Campeão do Troféu Cidade Santiago de Compostela, 1993 - Bicampeão da Recopa Sulamericana, 1993 - Campeão da Supercopa dos Campeões da Libertadores, 1993 - Campeão Mundial Interclubes, 1994 - Campeão da Copa Conmebol, 1995/96 - Bicampeão da Copa dos Campeões Mundiais, 1996 - Campeão da Copa dos Campeões da Conmebol, 1998 - Campeão Paulista, 1999 - Campeão III Copa Euro - América, 2000 - Campeão Paulista, 2001 - Campeão do Torneio Rio - São Paulo, 2002 - Campeão do Supercampeonato Paulista, 2002 - Campeão na Copa do Mundo Coréia/Japão, 2005 - Campeão Paulista, 2005 - Campeão da Copa Libertadores da América, 2005 - Campeão Mundial de Interclubes - FIFA / Japão, 2006 - Campeão Brasileiro, 2007 - Campeão Brasileiro e 2008 - Campeão Brasileiro.
Recorde: Rogério Ceni está no Guiness - O Livro dos Recordes, como o maior goleiro artilheiro da história do Futebol, com 85 gols.

19 de nov de 2008

Quando acabar, o maluco (não) sou eu.

JULIANA COISSI da Folha Ribeirão
O "chá do Santo Daime", originário da Amazônia e empregado em rituais religiosos, tornou-se a base de uma pesquisa inédita bem-sucedida da USP (Universidade de São Paulo) de Ribeirão Preto para tratar pacientes com depressão.
O projeto-piloto foi feito com duas mulheres com problemas crônicos de depressão, que tomaram uma dose do chá e relataram melhora imediata. A idéia agora é estender o estudo para 60 pacientes, com dosagens repetidas. Os pesquisadores querem descobrir se a ayahuasca --espécie de chá com efeito alucinógeno feito a partir de um cipó e um arbusto originários da Amazônia-- pode substituir os antidepressivos.
Depois de a Universidade Federal de Santa Catarina fazer pesquisas com camundongos, a USP testou o chá nas duas mulheres na faixa dos 50 anos que têm sintomas como perda de apetite, desânimo e choro.
Elas tomaram 200 ml (um copo) da bebida e ficaram em observação por três dias. "No mesmo dia as pacientes já estava melhores, e no segundo dia diziam que não estavam mais depressivas, que as cores da vida tinham voltado", disse Jaime Eduardo Hallak, professor do Departamento de Neurociência e Ciências do Comportamento da Faculdade de Medicina da USP.
Após três dias, foi ministrado às pacientes antidepressivo comum, "porque ainda não há evidências do efeito permanente da ayahuasca". "Mas elas acharam a experiência positiva e disseram que gostariam de tomar mais." O médico agora aguarda nova autorização do Comitê de Ética do HC de Ribeirão para ministrar o chá a 60 pacientes em doses repetidas e em intervalos pequenos.
Na opinião de Hallak, é possível que o chá amazônico venha a se tornar uma arma contra a depressão. "Eu acredito que é possível formular um medicamento com o chá. Se não diretamente com a estrutura da molécula presente no Santo Daime, algo muito próximo."
A ayahuasca contém duas substâncias --harmina e dimetiltriptamina. A harmina é uma espécie de antidepressivo, mas o que causa o efeito imediato é a dimetiltriptanima, que gera o equivalente a um banho de serotonina no cérebro.
O segredo do Santo Daime, diz Hallak, está na rapidez: o efeito é mais imediato, por exemplo, do que tomar um comprimido de antidepressivo.

18 de nov de 2008

ALGUÉM ENCARA?

Fotografei o carro dessa garota no trânsito da minha cidade, Bauru/SP. Imaginem só o naipe da guria, pra ter coragem de meter um adesivo desses no carro.

17 de nov de 2008

COMO LEVAR UM FORA E NÃO SE ABALAR

Será que ela perdeu o celular? Porque não atende?

Alguém devia avisa-la que para um homem telefonar no outro dia não é tão simples e fácil. Mas se eu não ligo, eu que sou o errado, o vagabundo e o insensível.

Mas eu já liguei umas dez vezes e a bandida simplesmente não atende.

O que será que houve? falei algo errado? fiz algo errado? pus a mão em algum lugar que não devia?

Vai saber...eu mesmo mal consigo lembrar...bebi demais e agora não consigo lembrar da nossa noite...

ah...talvez seja isso...eu bebi demais e ela não gostou...mas ela bebeu também...se ela pode, porque eu não posso???

Aff...mulher é tudo igual...é só cobrança em cima de cobrança...tô de saco cheio disso...pode sumir, sua egoísta controladora...

Mas talvez ela tenha saído comigo apenas por uma transa e nada mais...

É verdade.. pode ser isso mesmo...ela bateu o olho nesse corpinho, percebeu minha atitude de macho que não perdoa e decidiu que eu era o par perfeito praquela noite.

É isso aí, Lestat. Homem que é homem não perdoa. Caiu na rede é peixe.

Se ela não quer atender o telefone, então dane-se. Tem mulher pra caramba no mundo. PRÓXIMA!!!

14 de nov de 2008

COLOQUE A VÍRGULA NA FRASE


"SE O HOMEM SOUBESSE O VALOR QUE TEM A MULHER ANDARIA DE QUATRO À SUA PROCURA."
Se você for mulher, certamente colocou a vírgula depois de MULHER. Se você for homem, colocou a vírgula depois de TEM.

4 de nov de 2008

LIBERDADE RELIGIOSA

O filho de santo Marcelo da Silva Gomes entrou com uma ação na Justiça contra o seu vizinho, o mecânico Mauro Monteiro Pinto, alegando que foi ofendido sua religião, o candomblé, quando ele estava fazendo uma oferenda em Paty de Alferes, no Sul Fluminense. Segundo a sentença, o mecânico teria chamado o filho de santo de macumbeiro e o xingado com palavras de baixo calão.
A Justiça condenou o mecânico Mauro Monteiro Pinto a pagar uma indenização no valor de R$ 3 mil, como conseqüência aos danos e sofrimentos experimentados pelo filho de santo. O advogado de Marcelo, Carlos Nicodemos, argumenta que todos os indivíduos têm o direito à liberdade religiosa, sobretudo no Brasil, por se tratar de um estado laico.
A juíza que concedeu a sentença, Katylene Collyer Pires de Figueiredo, argumentou que a disseminação da intolerância religiosa em uma comunidade, a toda evidência, acarretará insegurança social, havendo de ser rigorosamente rechaçada. O mecânico pode recorrer da sentença.
**********
COMENTÁRIO DO BLOG:
Você quer ganhar uma graninha? passe em frente a uma Universal do Reino de Deus e filme um pastor criticando a prática da sua religião. Depois é só me contratar. Cobro 30%.