10 de nov de 2010

PRATOS LIMPOS


Eu, Lestat de Lioncourt, venho publicamente manifestar meu total e irrestrito apoio e admiração ao(s) atleta(s) profissionais do São Paulo Futebol Clube que, no próximo dia 21/11/2010 às 17:00 hs, no estádio Cícero Pompeu de Toledo - o Morumbi, no jogo contra o Fluminense Football Club, fizerem exatamente o que fizeram esse ano inteiro de 2010, ou em outras palavras: NÃO JOGUEM FUTEBOL.

Considerarei uma afronta pessoal e um ato de desrespeito ao meu amor de são paulino caso o São Paulo Futebol Clube resolva, a esta altura do campeonato, quando não temos mais pretensão alguma de título ou vaga de libertadores, apresentar um futebol de qualidade e consiga vencer o atual líder da competição, beneficiando indiretamente o Sport Club Corinthians Paulista na busca pelo título brasileiro.

Oportuno se faz lembrar o que aconteceu na reta final do Brasileirão de 2009, quando o São Paulo estava liderando o campeonato com o Flamengo na sequência da tabela. Naquela ocasião, 37ª rodada, o São Paulo havia perdido para o Goiás no Serra Dourada e o Corinthians descaradamente entregou o jogo para o Flamengo, que por isso assumiu a liderança e acabou campeão. Lembremos daquele pênalti batido pelo Léo Moura em que o goleiro Felipe nem pulou.

Agora a situação é inversa e o ano é do centenário do Corinthians. O São Paulo Futebol Clube sempre se gabou de sua postura correta e ética, mas, por mais que isso seja verdade, nunca vi um torcedor rival reconhecer isso, então foda-se. Que os jogadores corinthianos falem o quanto quiserem do São Paulo, enquanto levam pedradas e são perseguidos pela própria torcida ingrata e puta com um ano importante desses sem título.

3 comentários:

Anônimo disse...

Caro Lestat;

Certa vez seu time poderia ter decretado o rebaixamento do time gambá no campeonato paulista. Não o fez...

Suil disse...

Não há problema algum, pode entregar, fazer o que bem entenderem, não dependemos mais de ninguém, agora só dependemos de nós.........

Anônimo disse...

É verdade, o cocorinthians só depende dele. Dele e do árbitro. E não falo só do penalti ridículo no gordo (aquilo foi a cereja do bolo), teve impedimentos absurdos marcados contra o Cruzeiro e se o safardana do juiz viu aquele penalti no gordo não é possível que ele não tenha visto nenhum no Thiago Ribeiro ou aquele no Wellington Paulista. MAIS UM TÍTULO COM ASTERISCO PROS GAMBÁS.

DEPOIS A GAMBAZADA NÃO SABE PQ NUNCA GANHARAM UMA LIBERTADORES...

LÁ O QUE VALE É O FUTEBOL, SEUS NOJENTOS!