14 de dez de 2007

Enchendo lingüiça

Entre um lamento e outro, a vida vai se mostrando uma provação diária. Eu, que não sou muito de ficar parado, vou me deleitando nessa montanha russa maluca. O jeito é tentar extrair algum prazer, até porque ficar só lamentando não resolve nada.
Mas, cá entre nós, será que há mesmo alguma coisa a ser resolvida? Ou será tudo apenas uma questão de aceitação e conformismo?
Por enquanto, ainda acho que posso fazer as coisas acontecerem, mas admito que fica cada vez mais dificil sustentar esse tipo de pensamento. Acho que está chegando a hora de assumir uma postura Zeca Pagodinho, deixar a vida me levar e parar de tentar controlar tudo.
But not yet...
P.S.: Rapica, amo você.

Nenhum comentário: