8 de jul de 2008

TRAGÉDIA EM CAUCAIA-CE


Três crianças se enveneraram com hortênsia (veja imagem abaixo). Duas morreram ontem, e a terceira se encontra em coma no IJF (Instituto Doutor José Frota).
As crianças Ingrid Farias Rodrigues, de sete anos, e os irmãos Miquéias Sousa Melo, de seis anos e Maria Grabriela Sousa Melo, de oito anos, foram envenenadas, ontem, ao mastigar uma planta denominada de hortênsia, mais conhecida popularmente, como “ciúme”.
Ingrid Farias e Miquéias faleceram ainda no começo da tarde de ontem. A menina chegou morta à Unidade Central do Instituto Doutor José Frota (IJF), enquanto o menino não resistiu aos efeitos da substância tóxica, ainda em Caucaia.

COMENTÁRIO DO BLOG:

Pelo visto, as autoridades estão proibindo o plantio e cultivo da planta errada. Como já dizia Marcelo D2, são 10.000 anos de uso sem sequer uma morte...se me chamar de otário, não fale sem suporte.

13 comentários:

Armand disse...

Xaman!

Anônimo disse...

"Como já dizia Marcelo D2, são 10.000 anos de uso sem sequer uma morte...se me chamar de otário, não fale sem suporte."
Provavelmente, quando ele manifestou essa parvoíce, deveria ter fumado um charuto de maconha. Os médicos estão errados, a polícia tá errada, o mundo tá errado. O certão é ele.

Anônimo disse...

É verdade, certão é ele, D2, que ganha direito explorando a própria ignorância e a alheia.

Bruno Colorado disse...

Bah, Lestat, a ignorância, o desrespeito e o preconceito atingem até os que acessam aqui, supostamente instruídos. Mas não sabia que tu era da turma. E teu time, hein? não ganha mais nada?

Anônimo disse...

Bem, só viciado defende o uso da droga, o que é compreensível. E este deveria saber seus malefícios (Falhas na memória recente, taquicardia, xerostomia, paranóia, agitação, falta de coordenação motora e câncer do aparelho respiratório, dependência psicológica, crises psicóticas, bronquite, tosse, etc.). Vai acreditando em letra de musiquinha, vai... que, aliás, é feita por um viciado, portanto, ne reporto ao início deste post.

Lestat disse...

Galerinha, tudo aqui gera polêmica, né? mas o assunto é polêmico mesmo, não dá pra negar. Explico: O post não faz apologia ao uso de drogas. Apenas prega que há na natureza plantas tão nocivas à saúde quanto a maconha. As autoridades, proibindo seu cultivo, não estão interessadas em preservar a saúde do cidadão, mas sim no aspecto econômico da coisa.
Legalizar o uso não significa obrigar o cidadão a se drogar. Significa respeitar suas opções de vida.
Não se esqueçam que, atualmente, ele pode se matar ou até mesmo ser morto, comendo uma flor legalizada de hortênsia.
E quem me condenou por citar Marcelo D2, há de tomar cuidado, pois pode acabar citando, numa conversa ou outra, Sigmund Freud.

Lia disse...

Meu Deus... tudo isso por conta de uma flor?rs

Passei aqui pra te deixar um oizinho...
Bj

Anônimo disse...

"Não se esqueçam que, atualmente, ele pode se matar ou até mesmo ser morto, comendo uma flor legalizada de hortênsia."
A notícia refere-se a duas crianças. Então, acho de deveriam proibir produtos de limpeza, pois se a criança beber, morre. Deveriam proibir fogão, pois a criança pode se queimar e morrer. Deveria ser proibido construir escadas, pois a criança pode subir, cair e morrer.
Caro Lestat, a considerar tantos outros posts de qualidade e redação magnifícos, esse seu sofisma, esse paralelo, foi sofrível!

Mariana Cavalcanti disse...

Lê,

O único problema é que, seguramente, a flor de hortênsia não vicia, hm?

Abraços,

Mariana

Tapa na Pantera disse...

Maconha também não vicia. Eu, por exemplo, fumo todo santo dia há 30 anos e não sou viciada.

Anônimo disse...

Quem gosta de fumar maconha também gosta de dar o cu.

Armand disse...

Eu realmente gostaria de saber quem e´ o covarde que se esconde atras de um anonimo pra ficar pregando aqui.
Meu irmao, vai no

www.igrajauniversal.com.br

e solte sua voz. Nao venha frequentar um local onde as pessoas frequentaram a escola ao inves da igreja. E digo mais:

www.escoladafamilia.com.br

Vai la, pq pela falta de base das suas alegaçoes, vc nao deve ter grana pra comprar uma revista Veja sequer, o que dira pagar um cursinho.
Nao gostou? Mostra a cara covardao, pq a minha
todo mundo aqui conhece.

rabisco disse...

pohh , não sou viciado, mas gostariuo de deixar minha simoatia pelo comentario do said, ou sei la oque,, fumar ou não fuma é questão de gosto. e prazer. vejo muita gente que fumam e mantem uma conduta aberta para qualquer pessoa que as respeitam , desenpenham seu trabalho na sociedade com responsabilidade e não tem pensamentos preconceituosos como vc. ( não se mete na vida alheia memso a conhecendo por isso amigo deixem quem quiser fumar Fumar, deixe quem quiser viver Viver, deixe quem quiser morrer Morre,, um abraço e um Salve!