24 de abr de 2007

SÃO PAULO 1 x 4 SÃO CAETANO

Já que alguns corinthianos invejosos andam me cobrando, decidi comentar o desastre ocorrido no último sábado, quando o maldito Sr. Muricy Ramalho conseguiu a façanha de perder em casa para o fraco time do São Caetano. É isso mesmo. O São Caetano é fraco. Não vou ficar aqui ressaltando as qualidades do time do ABC, porque na verdade não vejo muitas. De todos os atletas que por lá jogam, o único que considero melhor que o jogador são paulino da posição correspondente é o lateral esquerdo Triguinho. Mesmo assim, só acho ele melhor que o Jadilson, porque ele sequer engraxaria a chuteira do Júnior. Nas demais posições, o SPFC dá show. E só poderia perder mesmo se alguém fizesse besteira. E duas foram feitas: uma pelo André Dias, que, numa falha ridícula, levou um chapéu e permitiu o gol; a outra pelo Muricy, que escalou para um jogo decisivo um zagueiro recém recuperado de lesão, que não jogava há muito tempo, deixando no banco Richarlyson, que ultimamente estava comendo a bola em todas as posições que era escalado.
O Sr. Muricy Incompetente e orgulhoso pra Ramalho, ao deixar o meu São Paulo perder pro São Caetano, conseguiu uma façanha comparável a uma derrota da Ferrari pra uma BAR-Honda. Mas quero esquecer isso, mesmo porque a "super capacitada" cúpula tricolor vai mantê-lo no cargo. Eu havia me proposto a não mais criticar esse energrúmino e vou tentar cumprir o trato, mas, alerto, nunca fiz e pelo visto nunca farei qualquer elogio.
Eis os jogadores:
Rogério Ceni: ainda é uma divindade São Paulina, mas em 2007 ainda não fez nada.
André Dias: Só podia estar bêbado. Levar um chapéu daqueles é coisa de amador.
Miranda e Alex Silva: Esforçados, cumpridores e talentosos.
Ilsinho: O melhor jogador do São Paulo, quiçá do Brasil. Inatacável.
Jadilson: só o Burricy mesmo pra achar este comedor de jabá melhor que o Júnior.
Josué: assim como o Ilsinho, é inatacável. Que falta faz o Mineiro, né?
Hugo: mais um sangue de barata. O Danilo pelo menos era decisivo e ganhava títulos.
Souza: 2 anos enganando torcida e treinadores. A minha paciência acabou. Por mim, esse ia embora junto com o Muricy.
Aloisio: atacante tem que fazer gol, ou pelo menos tentar, senão fica no banco. Mas não esqueço aquele passe pro Mineiro na final do mundial...
Leandro: corinthiano.
Pronto. Aí está minha opinião.
Quanto à Libertadores, São Paulo ainda é um dos favoritos, mas o Muricy tem que deixar o time jogar e parar com essa mania de inventar burrices. Amanhã nem assisto ao jogo contra o Audax Italiano. Vou pro bar.
P.S.: ainda bem que não cornetei muito a eliminação do Inter. A gauchada tá me dando um refresco...rs.

7 comentários:

Suil disse...

Hoje é dia de bebida.....Uhhhhhhhh

Anônimo disse...

O Árbitro ajudou os Bambis novamente, senão estaria fora da libertadores e de férias, mas jogando no Morumbi com árbitro comprado, tá bom que o árbitro vai deixar o são paulo perder, é.....acho que o famoso apito amigo está ficando no lugar onde sempre deveria ter ficado, né? Ou não foi penalti? Tenha santa paciência, que vergonha....Nunca ganhamos uma libertadores, mas se um dia ganhar (sei que vai), não será dessa forma vergonhosa.....

Anônimo disse...

negro drama

que escalação hem, que comentários insanos hem, junior e ilsinho Inatacáveis, conversa p boi dormir neh....!!!

eh meu querido sorte suas q este tal audax italiano eh muito ruim pq o futebol q os bambis jogaram ontem, vai apanhar e feio do gremio na proxima fase...!!!

gostei da idéia de ir p o bar...!!! hauahuahuahuahauhauahua

t +++ meu caro amigo

Lestat disse...

Não vi o jogo ontem. Mas já percebi pelos comentários que o SPFC não foi lá essas coisas. Mas agora o negócio é treinar e encarar o Recreativo. Até lá, vamos ver se a situação melhora.

Rodrigo Araujo disse...

Aí Lestat, esse resultado não interessa mais, tomara que o SPFC derrube o tricolor da Azenha, força São Paulo!

Anônimo disse...

Suil
Gostaria de publicamente me desculpar por ter criticado o vexame que o São Paulo passou no Morumbi Sábado, pois ontem mais uma vez um time mostrou do que é capaz: Fazer sua maior riqueza, simplesmente a única coisa que esse time ainda têm de bom, sua torcida, sua fiel torcida passar vergonha novamente. Um vexame, digno dos fracos e covardes, de um comportamente ridículo. Isso é fruto de uma diretoria corrupta e desgraçada, que interfere diretamente no time de futebol, que conta com dinossauros que nem futebol de várzea teriam condições de jogar e com novatos que para mim necessitam voltar para o time júnior e ficar por lá sempre. Parabéns time de merda, filha da puta, desgraçados, que não honram sua fanática torcida e que não sei até quando poderá ser chamada de fiel....

Fernando Cabelo disse...

Possivelmente, a cólera com que v.sª assistiu boa parte da partida o impediu de notar que em dois gols sofridos o responsável foi o idolatrado Rogério Cena, que sempre que o SPFC está perdendo ele acha que pode resolver as coisas macaqueando o Gerson ou Rivelino: começa a fazer lançamentos ridículos, na maioria das vezes para os jogadores adversários, como de fato ocorreu neste jogo em duas oportunidades, que resultaram em gols. Ou ainda, pega a bola na área e vai carregando até a intermediária ou o meio campo para tocar pro cara que tá do lado!
O Ilsinho é uma mistura de Denilson, Kerlon (aquela foca do Cruzeiro) e Felipe (Aquele do Vasco), só firula, pouco produtivo e que acaba iludindo com um ou outro lance. Esse não vai dar em nada e não é opinão de palmeirense rancoroso não, é a verdade! Ele falhou em dois gols no jogo do São Caetano e em um no jogo contra a "Audácia" Italiana pela libertadores.